burda style 09/2017 - Moda - Retro

Em setembro de 1957 um número incalculável de fashionistas apaixonou-se por este vestido. E precisamente 60 anos depois reacendemos a chama desse amor.
“Modelos que não surpreendem visualmente, mas que representam o ponto alto de uma moda sofisticada de linhas femininas e naturais, cultivada até à exaustão”. Com efeito, foi com estas palavras um pouco exuberantes que a burda moden anunciou a principal tendência da saison de Inverno de 1957/58. Subitamente, a moda já não oprime, pelo contrário valoriza e modela o corpo de cada mulher, cria uma “mobilidade lânguida”, em que a cintura ainda esguia se mantém particularmente sensual. Como principal exemplo, recordamos o elegante vestido cor de areia, com costuras secundárias longas e modeladoras que terminam em sedutoras pregas nos ombros. Um casaco curto sóbrio com mangas 7/8 era o complemento perfeito. Dava-se extrema importância a todo o look da mulher. Também os acessórios a condizer eram eleitos dentro da palette de cores da moda beige-castanho: luvas, chapéu estilo “touca de praia“ e mala de mão com efeitos brilhantes e mate. Très chic!
Vestido 122

Tam: 34 - 42
Mantendo as costuras elegantes ao comprimento e as pregas de alta-costura nos ombros, o corpo fica mais esbelto graças à suavidade do crepe elástico. O fecho de correr metálico à mostra atrás dá-lhe um o toque de modernidade