burda style 09/2015 - Joana em Banho Maria

Designer de formação, mas ao mesmo tempo uma apaixonada pelo crochet: joana coelho é uma verdadeira #burdalover cheia de sentido estético, criatividade e vontade de criar peças únicas com as próprias mãos

Joana estudou na Universidade de Aveiro e inicialmente começou a fazer crochet pela necessidade de se distrair e de se evadir dos contextos rotineiros, mas também pelo facto de gostar de fazer peças para oferecer. Entretanto, o crochet tornou-se mesmo num vício e, agora, “acompanha-a” para todo o lado: nas paragens de autocarro, em casa ou nos intervalos dos ensaios da Bateria, um grupo de gamelão Gong Kebyar do qual faz parte. Tudo se torna mais fácil porque o crochet é “extremamente portátil, e tão versátil que não impõe grandes limites à criatividade”.

Assim, esta jovem começou por inspirar-se em revistas como a burda, graças à qual diz ter aprendido a fazer crochet, no trabalho de pessoas que admira e com as quais passa mais tempo, mas também no seu próprio trabalho, nos bonecos que ia criando e nas histórias que imaginava que pudessem contar. O que veio originar o “Joana em Banho Maria”, um projeto que apesar de não ser uma atividade a tempo inteiro lhe traz alguma rentabilidade e muito prazer.
Mas Joana tem ainda imensas ideias por concretizar, tais como combinar crochet e costura na criação de acessórios. Curios@ para conhecer mais do seu trabalho? Acompanhe a “Joana em Banho Maria” através do Facebook e conheça peças feitas com muito carinho e delicie-se!

Acompanhe a “Joana em Banho Maria” através do Facebook